5 dicas para não surtar ao organizar seu casamento

3 de fevereiro de 2016

Está noiva e planejando seu casamento? 

Tenho a certeza de que alguém já te chamou de bridezilla (talvez não na sua frente) e eu também tenho certeza de que você, ao ouvir falar de noivas neuróticas, pensou "mas eu não sou assim, tô super tranquila". 

É, eu também pensava assim... Mas também tive crises de choro, preocupações imensas por coisas mínimas, ficava brava porque alguém não estava dando a devida importância ao assunto "meu casamento"... Faz parte. 

Acredito que não deve ter graça ser uma noiva tranquila demais... Afinal, noiva tem o direito adquirido de ser histérica pelo menos uma vez...

Mas a questão aqui é não perder o controle, é saber controlar as emoções que estão à flor da pele, não deixar a histeria ser mais constante que a alegria e conseguir aproveitar ao máximo cada momento dos preparativos para o grande dia.

Por isso, eu queria compartilhar algumas dicas que me ajudaram a não ser uma noiva neurótica (a maior parte do tempo) e outras que eu aprendi sendo bridezilla em alguns momentos, mas poderia ter evitado.

Vamos lá?


1. Tenha sempre em mente: esse é momento mais feliz da sua vida
Parece uma dica boba e simples, mas quando você está cheia de tarefas, compromissos, decisões para tomar, é fácil esquecer o principal, o motivo pelo qual você está fazendo tudo isso.
Adote como mantra, anote na capa da sua agenda, no plano de fundo do computador, insira alertas no celular, coloque um bilhete no espelho... Espalhe em todos os lugares: "esse é momento mais feliz das nossas vidas" ou qualquer outra frase nesse sentido que te faça lembrar que o casamento não é a cor das forminhas dos doces ou o tamanho do arranjo da mesa, mas celebrar o amor dos noivos. 

2. Mantenha a sua rotina
Se você vai para a academia todos os dias, faz as unhas toda semana, almoça na casa da vó todos os domingos, faz artesanato, curso de inglês, seja o que for que esteja incorporado na sua rotina, continue fazendo.
Eu sei que o tempo é curto, as decisões são muitas e as reuniões com fornecedores constantes (e se você for como eu, os projetos D.I.Y. são inacabáveis), mas manter a rotina vai fazer você se sentir bem, além de que as atividades do seu dia a dia vão ser uma ótima válvula de escape para esquecer um pouquinho o assunto casamento. Acredite em mim, você vai precisar arejar a mente para conseguir pensar, planejar e decidir melhor.

3. Lembre-se que nem todo mundo ama falar sobre casamento
Uma das coisas que mais me incomodavam no inicio da organização do casamento era conversar com alguém sobre o assunto e ser "ignorada", levei um tempo para entender que as pessoas não faziam por mal, mas simplesmente porque (diferente de mim) a vida não era só o meu casamento e o assunto não é tão animador quando não se está nesse fase.
Passei a deixar meus longos desabafos para amigas noivas (ou quase) ou recém-casadas, as milhares de ideias para debater com a minha mãe, compartilhar os detalhes com amigas que realmente gostavam do assunto (oi, Lari!) e, no mais, falar de casamento somente com quem puxava o assunto.

4. Peça ajuda e delegue funções
Noivo, pais, irmãos, madrinhas... sempre tem alguém que pode (e quer) te ajudar se você quiser e souber pedir.
Aquelas tarefas que não dependem de você, como por exemplo os projetos D.I.Y. (faça você mesmo), podem ser delegadas para que você não fique sobrecarregada e, consequentemente, estressada.
Mas para ter ajuda, você precisa pedir ajuda. Ninguém pode adivinhar que você quer fazer os porta-guardanapos em casa, mas está sem tempo.
As pessoas até sabem que a vida da noiva é corrida, mas não sabem como ajudar e muitas vezes acabam fazendo aquela oferta genérica que você nem leva a sério, tipo "se precisar de alguma coisa me avisa".
Eu fui delegando funções pra quem eu sabia que toparia me ajudar com prazer e, mesmo assim, cheguei na última semana com várias coisas por fazer, é normal. Agora, imagina se eu não tivesse pedido ajudo? Impossível!

5. Mantenha seu orçamento e não fique pensando naquilo que não pode ter
Posso garantir uma coisa: você vai estourar o orçamento. Algo vai custar mais que o planejado, algum imprevisto vai mudar (e encarecer) seus planos.
Por isso mesmo, e também para evitar estresse desnecessário, tente se manter dentro do orçamento naquilo que puder, assim quando os imprevistos acontecerem o rombo não será tão grande.
Ah, cuide para não perder o controle já no inicio dos preparativos.
Para se manter no orçamento e evitar ficar irritada, não pense (nem pesquise, nem leia sobre) as coisas que você sabe que não cabem no seu orçamento. Por exemplo, na hora de montar seu budget você não separou uma parte do dinheiro para trocar as cadeiras e planejava usar as do salão? Não fique olhando milhares de fotos de casamentos com ghost chairs, cadeiras Luis XV, XVI... Se ao final do planejamento sobrar algum dinheiro (risos), volte e veja o que gostaria de deixar ainda melhor.

Dica bônus: o site Casamentos foi minha melhor ferramenta na organização do casamento, principalmente para cuidar do budget e montar o mapa de mesas. Recomendo!  

Está noiva? Já casou? Conte aqui nos comentários as suas dicas para controlar o estresse e ajude outras noivas!

4 comentários :

  1. Minha amiga linda, você sempre dedicada e pronta para ajudar a todos! Estou só no início da preparação do grande dia, do dia " mais feliz da minha vida" e você já me deu dicas incríveis!!
    Muito sorte para você, por que dom, amor e criatividade você já tem de sobra! <3

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Oi Fabi!

    Eu amava te ouvir. Sempre com idéias lindas e muito amor dedicado. Estou acompanhando o site e amando.
    Quando tuver um tempinho fala um pouco pra gente sobre aquele programa de organização de casamento que usavas.

    Beijos

    ResponderExcluir